Pesquisar este blog

quarta-feira, 6 de abril de 2016

Puro prazer.

Final de semana, eu estava afim de ir pra alguma balada, sei lá,  sair, me divertir, até que o pessoal de um grupo no whats onde eu quase não conheço ninguém pessoalmente marcou de nos encontramos num barzinho, um pouco longe da minha casa, mas aceitei,  o local era maneiro,  tudo que eu queria pra aquela noite, chegando lá finalmente conheço a galera e principalmente os meninos, que confesso que eu era louquinha pra conhecer,  três gatos maravilhoso que só de eu olhar eu já imagina loucuras,  haha! Então passando a noite decidi beber um pouco, pois estava longe de casa, não podia perder a linha e nem gosto de perder a linha com bebida,  comecamos a beber, beber e eu comecei a dançar,  dançar e dançar de uma forma completamente tarada, não sei explicar muito bem como é isso, mas só sei que estava com muito tesão dançando e a bebida ainda estimulando,  aqueles caras maravilhsos que nos acompanhavam também, e eu continuava a beber e a dançar, não queria saber de outra coisa, eu estava no meu mundo, parecia que tinha tomado algo diferente,  não era possível,  eu estava muito louca e muito tarada, eu queria muito, muito, muitooo sexo, eu queria corpos colados no meus corpos, eu queria desejo, prazer,  tesão e fui continuando a beber, até que de repente perdi completamente o controle sobre quem eu sou, perdi praticamente a dignidade e eu estava pouco me lixando, eu queria era um pau, isso mesmo, um pau bem gosto dentro de mim, e era apenas isso que eu pensava eu taquei o 'foda-se' pro mundo, pois eu queria é ser  fudida. E naquela situação bem louca, bem tarada, os 3 gatos maravilhsos que eu havia conhecido naquele dia ficaram preocupados comigo, e me retiraram da festa, pois bem eu disse que ia para a minha casa (que era longe dali) e eles perceberam que eu não tinha condições nenhuma de dirigir, então um deles me colocou no carro e dirigiu até a casa deles, e os outros foram no carro dele, eu bem louca fui dormindo, haha, e quando cheguei lá o que veio dirigindo meu carro o SENHOR A,  foi me da um banho, mas sinceramente que meninos respeitosos, gostei disso, mas pena que eu não os respeitei, e sinceramente,  foi muito bom isso, ao ele me dar banho eu comecei a gemer e me tocar, passando a mão rm todo meu corpo, eu gemia, gemia, me tocava, sem nenhum pudor, pois eu ainda queria sexo e queria muito sexo, o menino tadinho,  ficou tarado, e eu estigando ele, percebi que ele queria resistir pelo fato de eu estar bem louca, mas o que ele não sabia, é que eu sou louca, não foi apenas momento, haha, pois bem, ele não resistiu e me jogou na parede, sinceramente que coisa maravilhosa, adoro ser jogada da forma que ele fez, puxou meu cabelo,  beijou meu pescoço e me pressionou contra a parede,  muito tarado, louquinho pra meter em mim, e eu muito louca pra dar pra ele, sendo que  em toda essa brincadeira estava de madrugada e estávamos fazendo muito barulho, até que o amigo dele (outro gato) chegou,  o SENHOR B, e perguntou "o que está acontecendo ai?" Ao entrar no banheiro ele se deparou com aquele situação, nessa hora já estávamos metendo, e metendo gostoso(só de lembrar eu sinto coisas que não consigo controlar), então o SENHOR B olhou, tirou a roupa e enfiou a piroca na minha boca, PUTA QUE PARIU, CARALHO, que coisa louca foi essa, que tesão da PORRA, eu nunca tinha feito isso, confesso que já tinha pensando várias vezes nessa hipótese, mas nunca tinha encontrado "os caras certos", e aquele momento foi mais que certo pra mim, minha vida mudou, eu fudi MUITOOO, em várias posições,  várias formas, de quatro de lado, de frente, de cabeça pra baixo, eu me sentia maravilhosa, aquilo parecia me viciar cafa minuto mais e mais, quando eu achava que não podia melhorar, haha, não podiamos esquecer que ainda havia mais um na casa, o SENHOR C (PQP, que gostoso), CARALHOO, ele também entrou no jogo, nessa hora já tínhamos ido pra piscina onde foi melhor ainda pro sexo, enquanto um metia por trás obou sentado na parte de fora da piscina eu chupava e eles revezavam, ainda sou inexperiente nesse ramo, eu não sabia lidar com os 3 ao mesmo tempo, mas independentemente disso, tudo aquill foi maravilhoso, logo já amanhecendo todos foram dormir e o SENHOR A, ia me levar pra casa, mas antes tínhamos que pegar o carro dele, fomos então até o local do carro que era um pouco longe e devido ao cansado dormimos um pouco na casa da mãe dele, ao acordamos, eu já em sã consciência olhei pro lado e lembrei do que tinha ocorrido e fiz a seguinte pergunta: "vamos fuder agora?" Eu ainda me encontrava completamente tarada, excitada, com aquela situação eu queria mais sexo, mais e mais, e nada casa da mãe dele mesmo, FUDEMOS, muito, no quarto, no banheiro do quarto no chão, na cama, sinceramente eu não conseguia parar aquilo era um vício,  eu não conseguia ficar sem, fudemos até não aguentarmos mais, foi maravilhoso, e ao ir embora ele me disse uma coisa, que até hoje não sai da minha cabeça, "você é a mulher mais excitante que já fiquei".

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gente,leia e comente, se não leu por favor não comente, não quero mais comentários e nem mais seguidores, quero leitores, obrigada Kate Luzzi.